Pular para o conteúdo principal

A Hospedeira - Resenha

Olá leitores, como estão?... Passei um tempo longe do blog, sem postar nada, mais estou de volta! (Aeeeeeee :-) Bom, e nesse tempo eu não deixei de ler (Logico) acabei lendo alguns livros, e hoje eu trago a resenha do livro A Hospedeira da escritora Stephenie Meyer (a mesma da serie Crepúsculo). Abaixo da resenha tem a minha opinião sobre a leitura, espero que gostem!




Resenha:

O livro é uma ficção cientifica onde conta a historia de uma espécie de alienígenas chamados "Alma". Esses pequenos seres se instalam nos corpos humanos (chamados de Hospedeiro), os humanos não tem nenhum controle sobre isso, eles simplesmente são capturados, e esses seres se instalam em seus corpos.
Melanie junto com o seu irmão mais novo Jamie, vivem fugindo dos buscadores deste que os alienígenas começaram a dominar à terra. Em umas das tentativas de arranjar comida junto com o seu irmão, Melanie acaba conhecendo Jared, outro fugitivo dos alienígenas, os dois acabam se apaixonando (sim, eles se apaixonam em questão de horas). Melanie junto com o seu irmão, começam a fazer parte de um grupo de pessoas que se refugiam em cavernas no deserto, onde Jared já participava.
Um dia Melanie resolve ir sozinha em busca de sua prima, que ela acreditava ainda ser humana, mas ela acaba sendo captura pelos os Buscadores, e uma alma é introduzida nela, chamada Peregrina. Peregrina uma boa alma, que já viveu em vários outros planetas que foi dominado por sua espécie acaba se surpreendendo, a alma de Melanie continuava em seu corpo (duas almas em um corpo só). Quem mantinha o controle do corpo era (Peg) Peregrina, mais a alma de Melanie estava presente, assim possibilitando o dialogo entre as duas, o acesso das memorias da Melanie para a Peg, de certa forma as duas se tornam amiga. Melanie aproveita isso e tenta compartilhar outras lembranças com Peg, com a intenção de que ela não pegue a sua família, nem os seus amigos. Nesse processo, Peg acaba sentindo o mesmo amor por eles e decide protege-los.
Juntas, vão para o refúgio onde estão as outras pessoas (a caverna no deserto), na esperança de ajudar todos, mas nem tudo sai como planejando. Como todos iriam acreditar nela? Como uma alma que dominou o corpo de Melanie (na visão deles) poderia viver com eles? Como confia no inimigo?

*************************************************
Bom, foi uma leitura legal, não foi uma das melhores. O livro é bem detalhista, isso cansa muito. As primeiras páginas são um tédio. Eu pensei em desistir, isso tirou a graça do livro. Um dos maiores problemas da leitura, é que a escritora prolonga muito um acontecimento, por mais simples que ele seja, ou faz uma grande expectativa em cima de algo que no final, não é nada de mais. Essa é a minha visão pessoal sobre o livro.

Se você já leu, ou pretende ler deixe um comentário sobre a sua experiência. Se você tem algum blog, deixe o link que irei dar uma passadinha lá :-). Obg pela a visita, um abraço e até mais!

Comentários

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Olá! Eu queria ler, mas eu também não gosto quando a autora fica enrolando demais uma coisa super simples. Estou com receio de ler. Mas adorei a resenha!
    Te marquei pra responder uma TAG (http://leitoracretina.blogspot.com.br/2015/07/tag-liebster-award.html)
    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Obg pelo o comentário, irei responder a Tag! <3

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Resenha; Contrafeito - Juliano Ribas

Olá Leitores! Como foi o a comemoração de ano Novo de vocês? Espero que tenha sido ótimo!

Hoje eu vim resenha o livro ContraFeito DO Juliano Ribas que foi em parceria com a editora 3 Nome.



Resenha:
O livro conta a história do Charles Rodrigo, um jovem que não se contenta com a vida que têm e acaba entrando em um mundo que nunca deveria ter procurado. Não muito feliz com a vida que levava, ajudando o seu pai na oficina de carros da família, Charlie foi em busca de uma vida melhor por um caminho errado, recebeu uma proposta de um amigo não muito intimo do seu pai. Depois de brigar com o seu pai ele acaba seguindo para a sua jornada, viver em um pequeno hotel, em  outro estado, pegar carros roubados do Paraguai e trazer para o Brasil. Sua vida muda completamente, o acesso ao luxo, as melhores companhias chegam rapidamente, mas tudo tem a sua consequência.

********************************************************
Então, vou falar a minha opinião sincera sobre o livro, Eu Não Gostei! Eu nã…

Frases diárias.

Olá leitores, estou lendo o livro 365 Demi Lovato, ele é perfeito (todos os livros pra mim são perfeitos, menos John Green, outro dia explico) Como o livro tem muitas frases de pessoas famosas, decidi fazer isso no blog, todos os dias postar um frase para vocês leitores, para refletir, pensar sobre a vida........... É isso, espero que gostem, até mais.

A Chantagem - Resenha (filme)

Data de lançamento 30 de julho de 2015 Direção: Nishikant Kamat Elenco: Ajay Devgn, Shriya Saran, Tabumais Gêneros: Suspense, Drama Nacionalidade: Índia Oi, olá gente, tudo bem? Essa semana eu assisti a um filme incrível, "A Chantagem" , foram 2h e 45 min de filme (Nossa, que grande!) sim, mas vale a pena (vou dizer isso em todas as resenhas — mentira —). Imagine-se que você seja uma pessoa muito carinhosa e amável por sua família (espero que você seja isso) responsável, um grande marido, e acima de tudo, um ótimo pai. Essa é praticamente a vida de Vijay Salgaonkar (oi?? não me pergunte como se pronuncia o sobrenome) Sim, é um filme indiano. Viajy é um operador de TV a cabo que finalmente encontrou-se em seu trabalho próprio, ele é viciado em assistir filmes, de todos os gêneros, é quase 24h por dia assistindo filmes, e entendemos ele! Ele é pai de duas lindas garotas, e a mais velha, Anju, acabou se envolvendo em algo não muito legal, ela acidentalmente acabou matando Sameer, um …